Artigos

Resultados e Impacto

resimp

Com o projeto "Mapa de Inovação e Empreendedorismo Social" pretende-se reconhecer e dinamizar o mercado da inovação e empreendedorismo social em Portugal, desenvolvendo e implementando atividades de forma envolvida e participada a vários níveis (local, nacional e europeu) e entre vários os setores (social, privado, público, civil, universitário).

 

Num primeiro momento, atua-se a nível local, contactando cerca de 4000 iniciativas que têm potencial de inovação e empreendedorismo social, depois de entrevistar à volta de 800 pessoas, numa base de proximidade com as comunidades locais e os intervenientes dos vários setores. O resultado quantitativo deste processo é o mapeamento, reconhecimento e divulgação de boas práticas de cerca de 160 iniciativas com elevado potencial de transformação social e ambiental em Portugal.

Análise de Competitividade

Enquadrada neste mapeamento, está a análise e avaliação destas iniciativas, sendo desenvolvida uma ferramenta pioneira e inovadora de "Análise de Competitividade", com padrões internacionais e o cunho académico e de prestígio do INSEAD Business School for the World. Esta ferramenta será, depois de testada e validada no terreno, pública e permitirá às próprias iniciativas avaliarem o seu potencial de mercado, através da criação de métricas e indicadores que facilitarão o seu entendimento com o setor privado e potenciais investidores trazendo uma nova linguagem no posicionamento a nível de mercado e esfera pública.

Relatório

Toda a informação recolhida no terreno será compilada num relatório final de projeto onde, após uma análise das principais características, pontos fortes, necessidades e competitividade das iniciativas, será dada a conhecer a realidade do mercado da inovação e empreendedorismo social em Portugal. Este relatório tem também como objetivo apontar recomendações estratégicas e operacionais para o desenvolvimento deste setor, tais como oportunidades de investimento; de parcerias intra e inter-setoriais; de investigação e de criação de produtos e serviços, fornecendo dados concretos para os vários atores do cenário social, económico, público e académico em Portugal atuarem de forma concertada e em prol do bem comum.

É fundamental o suporte tecnológico de todo o processo, com a criação de uma base de dados relacional, de acesso a todos os intervenientes e iniciativas selecionadas. Esta ferramenta, também inovadora e pioneira, vai permitir, por um lado, a agregação de conhecimento de forma centralizada e facilmente atualizável e, por outro, a divulgação e disseminação das iniciativas e suas boas práticas. É fulcral que as iniciativas identificadas se apropriem desta ferramenta que será excelente mecanismo de comunicação com todos os stakeholders e também ferramenta que permitirá avaliar a sua evolução ao longo do tempo.

Este projeto tem um enorme impacto junto dos vários agentes públicos, políticos, académicos, privados, sociais, mediáticos, nacionais e internacionais, pois será um exemplo piloto do mapeamento e reconhecimento de iniciativas de inovação e empreendedorismo social (que por si só reforça a motivação e auto-estima dos líderes das iniciativas), da geração de conhecimento alicerçada no terreno e conhecimento académico, da criação de rede e envolvimento de stakeholders num mercado específico em prol do bem comum, da eficaz divulgação e disseminação de boas práticas e partilha de experiências e da contribuição para o reforço e competitividade do mercado da inovação e empreendedorismo social.

Desenvolvendo estas atividades, e envolvendo desde logo todos os stakeholders chave na implementação deste projeto, estaremos a contribuir para o aumento da competitividade e efetividade dos agentes do mercado de Inovação e Empreendedorismo Social em Portugal.

 
 
Promotores:
IESIPAV
Financiamento:
Financiamento
Co-financiamento:
parceiros 03 01 2Fundação EDP
Apoios:
IAPMEI
Distinção:
+e+i